fbpx
Quarta, 14 Julho 2021 00:00

O que é Vaginose Bacteriana?

Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Andrômeda Web Marketing
Avalie este item
(0 votos)

Vaginose bacterina é uma infecção vaginal provocada pelo excesso de bactérias no canal vaginal.

Não é considerada uma doença sexualmente transmissível para alguns especialistas, uma vez que algumas dessas bactérias podem ser encontradas habitualmente no ser humano. No entanto, a transmissão ocorre também pelo contato íntimo ou relação sexual.

A Vaginose é a causa mais comum de corrimento genital e a segunda causa de candidíase. Essa infecção desencadeia um desequilíbrio da flora vaginal fazendo com que a concentração de determinadas bactérias aumente. Atualmente, a Vaginose Baceteriana é considerada uma proliferação maciça de uma flora mista, que inclui Gardnella Vaginallis, Peptoestreptococcus e Micoplasma hominis.

Durante a menstruação, a Vaginose causa um odor desagradável e forte, pois nesse período a ação das bactérias aumenta. Essa doença ocorre principalmente em mulheres na idade reprodutiva.

Sintomas

A Vaginose Bacteriana não apresenta uma reação inflamatória, por isso o reconhecimento da doença só pode ser percebido através de sintomas como corrimento branco ou acinzentado, odor fétido. O não tratamento da Vaginose pode ocasionar problemas mais sérios, como: endometrites e salpingites (inflamação das trompas). No homem, não há sintomas da doença.

Tratamento

O tratamento indicado para a Vaginose Bacteriana é realizado à base de antibiótico, podendo ser por via oral ou de uso tópico com creme vaginal ou óvulos. O uso de medicamento oral é indicado durante sete dias, assim como o creme vaginal, aplicado por sete noites. 

Não é recomendado consumir álcool durante o tratamento, pois podem ocorrer reações adversas em razão de interação do álcool com alguns dos medicamentos utilizados para tratar a vaginose bacteriana.


Dra. Isabela de Oliveira Cunha – Ginecologista Obstetra – CRM 52.96157-4 RJ
Rua Santa Clara 50 - Sala 603 - Copacabana - Rio de Janeiro - RJ

Ler 92 vezes

Últimas Publicações

Leia Também